Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Administrações das empresas públicas terão mais dificuldade em cumprir metas

No próximo ano, as empresas do Sector Empresarial do Estado (SEE) terão que cortar em 15% os seus custos.

Negócios negocios@negocios.pt 28 de Outubro de 2010 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
Este foi o objectivo inscrito no Orçamento do Estado para 2011, com vista a alcançar a meta de redução do défice. Contudo, algumas das empresas abrangidas por esta medida já admitiram a dificuldade do cumprimento desta exigência. E com o recuo do Governo, no sentido de eliminar o corte do subsídio de refeição, a tarefa das empresas será dificultada.



O objectivo imposto pelo Executivo, com estes cortes, é alcançar uma redução anual de 1.600 milhões de euros, como está na apresentação que Carlos Costa Pina, secretário de Estado do Tesouro e Finanças, fez às empresas. Deste total cerca de 110 milhões de euros seriam conseguidos através dos cortes com o subsídio de refeição. Com esta alteração proposta pelo Governo, de não contemplar cortes nos subsídios de refeição, as empresas terão que encontrar outras formas para alcançar o bolo total de corte custos, no sentido de cumprir os objectivos.









logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias