Finanças Públicas BE critica coligação governamental por encarar recessão como "boa notícia"

BE critica coligação governamental por encarar recessão como "boa notícia"

O Bloco de Esquerda (BE) condenou hoje o facto de os partidos da coligação governamental tomarem os mais recentes números da execução orçamental como uma "boa notícia", considerando tratar-se de uma opção política "recessiva por natureza".
Lusa 23 de agosto de 2013 às 20:34

"Este Governo já teve de renegociar mais que uma vez metas do défice por incapacidade no seu cumprimento. Por enquanto, está a conseguir uma folga orçamental, mas à custa da recessão, do empobrecimento e do desemprego", afirmou a dirigente bloquista Mariana Mortágua, em declarações à Lusa.

 

A membro da Mesa Nacional do BE disse ser motivo de indignação e surpresa que "os partidos da coligação, PSD e CDS, e o próprio Governo encarem a recessão que causaram com a austeridade como uma boa notícia".

 

"Uma execução e uma consolidação orçamental feita unicamente à custa da retirada e diminuição dos salários e pensões não pode ser sustentável porque é recessiva por natureza e as outras vertentes da execução orçamental mostram bem esse carácter recessivo", reforçou, exemplificando com a quebra de receitas do IVA.

 

Mortágua acrescentou que "o ajustamento que foi possível este mês e na execução acumulada até ao mês de Julho foi feito à custa de um aumento médio de 30% no IRS, portanto à custa da diminuição de rendimento disponível dos trabalhadores e dos pensionistas".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI