Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bloco saúda OE mas deixa caderno de encargos até ao fim da legislatura  

Catarina Martins saudou todos os partidos da geringonça pela prevista aprovação do quarto e último Orçamento da legislatura. Contudo, a líder bloquista diz que ainda há trabalho a fazer e deixa caderno de encargos ao Governo que vai da nova lei de bases para o SNS à reforma da legislação laboral.

A carregar o vídeo ...
David Santiago dsantiago@negocios.pt 29 de Novembro de 2018 às 12:34

A coordenadora bloquista Catarina Martins fez questão de saudar o primeiro-ministro, "por termos cumprido aquilo a que nos comprometemos, e todas as forças que integram a chamada geringonça pela previsível aprovação do quarto e último Orçamento do Estado da actual legislatura: "no Bloco valorizamos este caminho", disse Catarina Martins no debate que antecede a votação final global do OE19.

Apesar de a líder do Bloco considerar que "este Orçamento deu passos relevantes", Catarina Martins lamenta que "em demasiados pontos tenha ficado aquém do que seria necessário e possível". Como tal, deixou críticas à bancada socialista por ter contribuído para a redução do IVA das touradas e por ter impedido que fossem dados passos para reduzir de forma mais substancial a factura energética.

Perante o aproximar das eleições de 2019, Catarina Martins recusa entrar já em campanha eleitoral e avisa que não é por se aprovar o Orçamento que está tudo feito na legislatura.

"Esta legislatura não acaba com a votação final deste Orçamento, não se livra de nós", atirou a líder bloquista voltando-se para o primeiro-ministro António Costa.

Nesse sentido, Catarina Martins elencou um conjunto de temas nos quais o Bloco vai insistir até ao fim da legislatura: avançar com plano ferroviário nacional, corrigir o erro do processo de descentralização feito com o PSD, garantir uma entidade da transparência com capacidade de fiscalizar os titulares de cargos políticos, criar estatuto do cuidador informal, responder pela habitação, finalizar uma lei de bases para o Sistema Nacional de Saúde e reformar a lei laboral travando a proposta feita em conjunto com o PSD.

Ver comentários
Saber mais Orçamento do Estado Catarina Martins OE19 António Costa Bloco de Esquerda
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio