Finanças Públicas Dívida pública fechou 2015 em queda já com efeito Banif

Dívida pública fechou 2015 em queda já com efeito Banif

A dívida pública bruta baixou 200 milhões de euros no mês de Dezembro, sendo que o valor líquido de depósitos aumentou 4,1 mil milhões de euros para recorde, devido sobretudo à resolução do Banif.
Nuno Carregueiro 01 de fevereiro de 2016 às 11:46

A dívida pública baixou para 231,1 mil milhões de euros em Dezembro, o que traduz uma redução de 200 milhões de euros face a Novembro, de acordo com os dados divulgados esta segunda-feira pelo Banco de Portugal.

 

Na dívida pública líquida de depósitos da administração central o efeito foi o inverso, com um aumento de 4,1 mil milhões de euros para 217,7 mil milhões de euros, o que representa o valor mais elevado de sempre. Os valores em percentagem do PIB ainda não estão disponíveis.

 

Como vai evoluir a dívida pública em 2016?
Aumentar
77,8%
Baixar
22,2%
Estabilizar
0%

Este aumento, de acordo com o Banco de Portugal, deve-se sobretudo à resolução do Banif, já que "as transferências de capital efectuadas pelo Estado e pelo Fundo de Resolução para o Banif implicaram um aumento de 2,3 mil milhões de euros" nesta rubrica.

A resolução do Banif teve também impacto na dívida pública total, já que inclui 700 milhões de euros de títulos de dívida emitidos pela Oitante, a entidade que foi criada para agrupar os activos do Banif que não foram transferidos para o Santander.

O Banco de Portugal, na nota emitida esta segunda-feira, explica a queda da dívida pública com a diminuição de 1,6 mil milhões de euros em empréstimos e 1,4 mil milhões de euros de emissões líquidas positivas de títulos, nomeadamente de longo prazo.

O efeito da resolução do Banif na dívida pública total acabou assim por ser mais diminuto, uma vez que o Governo recorreu aos depósitos das administrações públicas para financiar as exigências de capital resultantes da intervenção no banco que foi comprado pelo Santander Totta.

Segundo os números divulgados pelo Banco de Portugal, os activos em depósitos das administrações públicas baixaram em 4,4 mil milhões de euros em Dezembro face ao mês anterior. 

 

 

Dívida pública aumentou mais de 5 mil milhões em 2015

Se a dívida pública baixou em Dezembro face ao mês anterior, comparando com Dezembro de 2014 registou-se um aumento. No último mês de 2014 a dívida pública total situava-se em 225,8 mil milhões de euros (130,2% do PIB), pelo que ao longo do ano passado aumentou 5,3 mil milhões de euros.


Esta subida da dívida pública total em 2015 ficou a dever-se sobretudo ao crescimento do montante de títulos de longo prazo que foram emitidos. Esta rubrica passou de 98,1 mil milhões de euros em Dezembro de 2014 para 109,4 mil milhões de euros no último mês do ano passado, de acordo com os dados do Banco de Portugal.


Na dívida líquida de depósitos da administração central o aumento verificado em 2015 foi mais acentuado do que o registado na dívida total, devido sobretudo ao crescimento significativo verificado em Dezembro devido ao efeito Banif.

 

Em Dezembro de 2014 a dívida líquida de depósitos da administração central situava-se em 208,2 mil milhões de euros, tendo terminado o ano passado nos 217,7 mil milhões de euros, o que traduz um aumento de 9,5 mil milhões de euros.


(notícia actualizada pela última vez às 12:20 com referência à evolução em 2015)

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI