Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cavaco: "Portugal tem de juntar factores de crescimento à execução do programa"

Presidente da República diz que é preciso mais investimento privado, mais relações com o exterior e mais turismo para promover o crescimento económico.

Rita Faria afaria@negocios.pt 14 de Novembro de 2012 às 13:47
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
“Portugal deve aproveitar todas as oportunidades para juntar factores de crescimento económico à execução do programa de ajustamento para atenuar os efeitos negativos sobre a produção interna e o emprego”, afirmou Cavaco Silva, no final da reunião com o presidente da Colômbia. “Esses factores só podem chegar de mais investimento privado, mais relações económicas com o exterior, para aumentar as exportações, mais turismo e mais investimento do estrengeiro”.

O presidente da República explicou que as conversações que teve com o seu homólogo colombiano “reforçam a aposta que Portugal tem vindo a fazer na América Latina”. “Atribuímos prioridade ao Brasil, Colômbia, México, Venezuela e Chile. É dessa forma que podemos dar o salto em frente para mercados com taxas mais elevadas de expansão económica”.

“Estou convencido que o aumento dos contactos entre os empresários dos dois países será mutuamente benéfico, e dará algum contributo para atenuar os efeitos negativos do ajustamento”, concluiu o chefe de Estado português.




Ver comentários
Saber mais Cavaco Silva crescimento programa Portugal
Outras Notícias