Orçamento do Estado PCP quer pagar a dívida, mas primeiro estão os salários e as pensões
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

PCP quer pagar a dívida, mas primeiro estão os salários e as pensões

Comunistas rejeitam a ideia de que não é possível cortar no pagamento de juros da dívida. A alternativa ao corte de salários e pensões é definir um limite ao pagamento de juros, indexado ao valor das exportações. A poupança atinge cinco mil milhões.
PCP quer pagar a dívida, mas primeiro estão os salários e as pensões
Ana Brígida/Negócios
Bruno Simões 14 de novembro de 2013 às 00:01

A dívida é para pagar, mas não é para pagar "custe o que custar". É assim que o PCP critica as prioridades do Governo na gestão das despesas públicas e, ao mesmo tempo, apresenta as suas: por que

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI