Função Pública Redução de pessoal no Estado foi o dobro da exigida pela troika
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Redução de pessoal no Estado foi o dobro da exigida pela troika

Terminado 2013, o Governo português ultrapassou largamente os objectivos de saída de trabalhadores do Estado com se comprometeu com a troika. Segundo os últimos números publicados ontem pela Direcção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP), entre o final de 2011 e o final de 2013, o número de funcionários públicos da Administração Central caiu 8,6%, quando a meta era "apenas" 2% ao ano.
Redução de pessoal no Estado foi o dobro da exigida pela troika
Reuters
Nuno Aguiar 18 de fevereiro de 2014 às 00:01

Ou seja, o ritmo de saída – através da forte limitação de contratações – foi mais de duas vezes superior aquilo que era exigido a Portugal no Memorando de Entendimento. 2012 trouxe a maior

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub