Empresas PSD sacode a inércia e avança com 35 propostas para as empresas

PSD sacode a inércia e avança com 35 propostas para as empresas

O PSD apresenta esta tarde 35 medidas para ajudar à recapitalização e financiamento das empresas, um dos problemas crónicos da economia. A iniciativa pretende reagir ao Governo e marcar uma atitude mais construtiva do partido, após o Congresso do fim-de-semana.
PSD sacode a inércia e avança com 35 propostas para as empresas
Negócios 06 de abril de 2016 às 09:16

Acusado de se ter posto à margem do debate sobre as opções centrais para País, o PSD decidiu reagir e, esta quarta-feira, entrega na Assembleia da República um projecto de resolução onde lista 35 ideias para ajudar a capitalizar e financiar as empresas.

O projecto de resolução será uma resposta ao power-point com o Plano Nacional de Reformas apresentado recentemente por António Costa, avança o Público, mas também uma resposta aos críticos que internamente se queixaram da letargia do partido nos últimos meses. 

 

Segundo o jornal diário, a ideia do PSD é entregar o seu projecto de resolução (um documento que é uma mera recomendação, não tem valor vinculativo) antes da reunião plenária que esta quarta-feira às 15H00 começa a debater o problema da falta de capital nas empresas e o seu financiamento.

 

Trata-se de deficiências centrais no tecido produtivo português, e para os quais o PSD tem 35 propostas. Uma delas, descreve o Público, passa por criar sistemas de alerta que permitam antecipar a detecção de situações de dificuldade financeira em empresas economicamente viáveis. Outra que se reavaliem os limites fiscais aos gastos de financiamento das empresas. Outra ainda que haja um credito bonificado para apoiar empresa mais endividadas.

 

Há também  medidas dirigidas a investidores particulares, como a sugestão de baixar a tributação das mais-valias que actualmente pagam uma taxa fixa de 28% de IRS.

 

Segundo o Público, o documento tem sete páginas e é subscrito pelos deputados Luis Montenegro, António Leitão Amaro, Hugo Soares e Manuel Rodrigues e marca uma nova fase dopartido, para uma posição mais assertiva e ofensiva. 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI