Impostos Cobrança coerciva do Estado dispara 22% até março
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Cobrança coerciva do Estado dispara 22% até março

Nos primeiros três meses deste ano, a cobrança coerciva do Fisco ultrapassou os 254,6 milhões de euros. Metade dessa receita foi recuperada através de impostos diretos, que justificam grande parte da subida de 22% na cobrança coerciva.
Cobrança coerciva do Estado dispara 22% até março
Lusa

O Estado cobrou mais de 254,6 milhões de euros em dívidas  que estavam em processo de execução no primeiro trimestre deste ano, mais 22% do que nos mesmos três meses de 2018, segundo dados da Direçã

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI