Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fisco detecta 30 mil empresas que não entregaram o IVA

A Administração Fiscal detectou, no primeiro trimestre, mais de 30 mil empresas que não entregaram o IVA, afirmou esta terça-feira o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais.

  • Partilhar artigo
  • 8
  • ...

"Nos primeiros três meses de actividade da reforma da facturação foi possível detectar mais de 30 mil empresas com situações ilegais, irregulares, de não entrega do IVA devido com base nas facturas emitidas", afirmou Paulo Núncio, em declarações aos jornalistas. "Foi possível também detectar mais de 14 mil empresas que embora não estivessem registadas nas Finanças emitiam facturas e estavam a operar", acrescentou.

 

Estes dados têm por base a informação de 900 milhões de facturas.

 

As empresas serão notificadas para cumprirem as obrigações. "Depois, se não cumprirem as obrigações, iniciar-se-ão os processos de correcção e caso seja necessário os processos-crime por não entrega dos impostos ao Estado", acrescentou.

 

Os jornalistas perguntaram ao secretário de Estado qual a receita que se pode conseguir por esta via. "Esse dado eu não lhe posso dar, neste momento sei que é um número muito significativo e que só foi possível atingir porque a reforma da facturação já começou a cumprir os seus efeitos", respondeu Paulo Núncio.

 

O comércio por grosso, o comércio a retalho e a prestação de serviços serão os alvos prioritários na fiscalização da Autoridade Tributária.

 

"A grande novidade é de facto a possibilidade de combinar uma fiscalização em modelo tradicional de visita às empresas e fiscalização das contas das empresas com os resultados muito relevantes da reforma da facturação", disse.

 

Ver comentários
Saber mais fisco impostos IVA
Outras Notícias