Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo espera arrecadar dois mil milhões de euros em taxas

O Estado espera arrecadar perto de dois mil milhões de euros em taxas cobradas aos contribuintes. O valor orçamentado para 2012 está inflacionado pela integração da Estradas de Portugal (EP) nas contas públicas, o que significa que existe a previsão de receita com portagens de 316,8 milhões de euros.

Alexandra Machado amachado@negocios.pt 19 de Outubro de 2011 às 00:01
Além desta verba inscrita em portagens, que não constava no Orçamento para 2011, o valor das taxas previstas incluem 316 milhões de euros de propinas, ainda que não esteja aqui a totalidade de propinas pagas anualmente. Nesta inscrição do orçamento para 2012 de taxas a cobrar pelos serviços integrados e pelos serviços e fundos autónomos falta, também, a verba principal das taxas moderadoras da saúde, já que o recebimento em determinados hospitais, que estão empresarializados, está fora do perímetro orçamental. É por isso que nas taxas moderadoras aparece, apenas, uma verba de 34 milhões de euros (409 mil euros nos serviços integrados e 33,7 milhões de euros nos serviços e fundos autónomos).


logo_empresas

Ver comentários
Saber mais OE 2012 governo taxas EP
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio