Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

João Abecassis: Imposto sobre bebidas alcoólicas promove "discriminação" entre o sector cervejeiro e do vinho

Já enquanto CEO da Unicer – dona da Superbock -, Abecassis prefere não dramatizar. "Eu não diria que esta subida possa ter um efeito directo no consumo", afirmou.

Wilson Ledo wilsonledo@negocios.pt 28 de Outubro de 2014 às 16:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

O presidente da Associação Portuguesa de Produtores de Cerveja (APCV), João Abecassis, considera que existe "discriminação" entre o sector cervejeiro e do vinho. Em causa está a subida de 3% no imposto sobre as bebidas alcoólicas, prevista na proposta do Orçamento do Estado para 2015, não aplicável ao sector do vinho.

 

O responsável fala em "desilusão" face à proposta, "sobretudo quando se escutam comentários, do ponto de vista social, hipócritas quanto ao financiamento do serviço nacional de saúde com este aumento de imposto".

 

Já enquanto CEO da Unicer – dona da Superbock -, Abecassis prefere não dramatizar. "Eu não diria que esta subida possa ter um efeito directamente na queda do consumo", afirmou ao Negócios.

 

Também esta terça-feira, 28 de Outubro, a Federação das Indústria Portuguesas Agro-alimentares (FIPA) informou que estava a estabelecer contactos com o Governo para que este "possa ainda alterar, na especialidade, este aumento fiscal" sobre as bebidas alcoólicas.

Ver comentários
Saber mais presidente da Associação Portuguesa de Produtores de Cerveja João Abecassis Orçamento do Estado Unicer Federação das Indústria Portuguesas Governo economia negócios e finanças economia (geral) bens de consumo bebidas
Mais lidas
Outras Notícias