Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sindicato defende que degradação dos salários deixa trabalhadores dos impostos expostos a corrupção

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI) alertou hoje para o risco de maior receptividade dos funcionários do fisco a tentativas de corrupção devido à degradação dos salários e das condições de trabalho.

Lusa 09 de Maio de 2013 às 15:07
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...

"Há interesses muito poderosos a tentar aliciar os trabalhadores dos impostos", disse Paulo Ralha em declarações à Lusa, no dia em que o sindicato entregou um pré-aviso de greve de uma semana, entre 20 e 24 maio.

 

O sindicato diz que "até agora" a máquina fiscal "foi sempre idónea e completamente isenta a pressões", mas o anúncio de mais um pacote de austeridade, na sexta-feira pelo primeiro-ministro, diminui essa capacidade de resistência dos trabalhadores.

 

"Depauperar pessoas [os trabalhadores dos impostos] com este poder e esta capacidade de decisão é sempre um perigo", afirmou, lembrando que estes funcionários lidam todos os dias com milhares de processos que envolvem milhões de euros.

 

Paulo Ralha salienta que é precisamente o pagamento de salários acima da média que evita o perigo de corromper os decisores da comissão europeia ou do parlamento português.

 

"Está em causa a nossa sobrevivência com alguma dignidade, não estarmos à mercê dos inconvenientes que uma situação de crise proporcionam, como aliciamentos e transformar trabalhadores idóneos em trabalhadores aptos a aderir a outras formas de actuação menos corretas", concluiu.

Ver comentários
Saber mais impostos sindicato greve
Outras Notícias