Justiça ASAE detém 18 pessoas por especulação com bilhetes para o Benfica

ASAE detém 18 pessoas por especulação com bilhetes para o Benfica

Alguns dos bilhetes para o Benfica-Guimarães estavam a ser vendidos pela internet por mais de 500 euros cada.
ASAE detém 18 pessoas por especulação com bilhetes para o Benfica
Record
Negócios 15 de maio de 2017 às 12:26
A ASAE deteve 18 pessoas em flagrante delito pela prática ilícita de especulação e venda não autorizada de bilhetes para o jogo Benfica-Guimarães, realizado este fim-de-semana. De acordo com um comunicado da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, estas 18 pessoas - mais uma que foi identificada mas não detida - estavam a vender bilhetes para o jogo através da internet, muito acima do preço de aquisição.

"As detenções foram feitas maioritariamente em Lisboa e em Viseu, tendo sido apreendidos 54 bilhetes, no valor aproximado de € 3.300,00. Os detidos aguardarão julgamento em processo sumário", explica a Autoridade, acrescentando que "este foi o maior número de detenções registadas pela ASAE, numa acção especificamente direccionada para a especulação de bilhetes para eventos desportivos no mercado negro online". A operação foi concretizada pela Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal.  

O Estádio da Luz bateu, neste sábado, o seu recorde de assistências, com mais de 64 mil espectadores. O facto de o recinto estar esgotado e de ser potencialmente o jogo da festa do título benfiquista - como se veio a confirmar - fez disparar a procura pelos bilhetes e o seu preço no mercado paralelo.

Segundo a ASAE, "os bilhetes encontravam-se à venda acima do seu valor oficial, chegando a serem pedidos € 550 por bilhete, atingindo-se em algumas situações de venda especulativa para os respectivos anunciantes ganhos superiores na ordem dos € 1000 a € 1500".

A venda ilícita de bilhetes, que tem monitorizada pela Autoridade, configura um crime de especulação punido com pena de prisão até 3 anos.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI