Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Branqueamento de capitais: Mera consultoria jurídica não obriga advogados a denunciar clientes

A mera consultadoria jurídica está fora dos deveres de comunicação previstos nas regras de prevenção do branqueamento de capitais, esclarece o ministério da Justiça ao Negócios. Quanto às demais críticas que vêm sendo manifestadas pelos advogados, a Lei não é nova e é para cumprir.

Miguel Baltazar
Elisabete Miranda elisabetemiranda@negocios.pt 19 de Dezembro de 2017 às 22:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
Se e, durante uma consulta jurídica a um cliente, um advogado suspeitar da origem do seu dinheiro, é ou não obrigado a denunciá-lo ao Ministério Público e à Unidade de Informação Financeira (UIF)? Esta é uma das dúvidas que vêm inquietando os advogados no âmbito das novas regras de prevenção do branqueamento de capitais e, segundo o Ministério da Justiça, a resposta é nã...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Branqueamento de capitais financiamento do terrorismo fraude e evasão fiscal registo central de beneficiários efectivos Ordem dos Advogados Ministério da Justiça
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias