A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Comunicações de suspeitas de branqueamento de capitais aumentaram 43% em 2019

No ano passado, a Procuradoria-Geral da República recebeu mais de oito mil comunicações de operações suspeitas que, em cerca de 400 casos, foram suspensas e acabaram por levar à abertura de duas centenas de inquéritos que ainda correm.

Lucília Gago tem vindo a dar ordens no sentido de serem confiscadas todas as vantagens patrimoniais que os agentes tenham obtido com os crimes.
Lucília Gago tem vindo a dar ordens no sentido de serem confiscadas todas as vantagens patrimoniais que os agentes tenham obtido com os crimes. Hugo Delgado/Lusa
Filomena Lança filomenalanca@negocios.pt 23 de Fevereiro de 2020 às 22:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

Ao longo de 2019 a Justiça recebeu 8.974 comunicações de operações suspeitas, no âmbito da lei de combate ao branqueamento de capitais e ao financiamento de terrorismo. Os números são da Procuradoria-Geral da República (PGR), que fez agora o balanço de todo o ano passado. Contas feitas, este número representa um aumento de 43% face aos 6.271 casos que haviam sido reportados em 2018, segundo informação fornecida

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Unidade de Informação Financeira da PJ Justiça Procuradoria-Geral da República PGR Polícia Judiciária
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias