Justiça PJ faz buscas no PS e no PSD de Lisboa

PJ faz buscas no PS e no PSD de Lisboa

A investigação diz respeito a suspeitas de corrupção através de ajustes directos feitos por várias autarquias a militantes partidários
PJ faz buscas no PS e no PSD de Lisboa
Bruno Simão/Negócios
Negócios 27 de junho de 2018 às 10:23

A Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) da Polícia Judiciária (PJ) e o Ministério Público (MP) estão a realizar buscas à Comissão Distrital de Lisboa do PSD e à Concelhia de Lisboa do PS, que fica na sede da Federação da Área Urbana de Lisboa do PS (FAUL), avança a Sábado.

A mesma publicação apurou que a operação da Judiciária e do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa decorre também nos serviços centrais da Câmara de Lisboa, nos serviços de Urbanismo da autarquia, no Campo Grande, nas juntas de freguesia do Areeiro, Santo António e da Estrela. Mas também em outras cidades do país.  

Em causa estão suspeitas da prática de crimes económico-financeiros decorrentes da contratação de pessoal e da adjudicação directa de serviços a empresas ligadas ou controladas por dirigentes políticos sobretudo do PSD. 

Um dos principais visados na operação é o social-democrata Carlos Eduardo Reis, conselheiro nacional do PSD, ex-presidente da JSD de Braga que apoiou Santana Lopes nas últimas directas para a liderança do partido. Carlos Reis controla várias empresas que ganharam inúmeras adjudicações directas de de autarquias controladas pelo PSD e também pelo PS.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI