Angola Embaixada de Angola em Lisboa com salários em atraso

Embaixada de Angola em Lisboa com salários em atraso

O Expresso avança que a Embaixada de Angola em Lisboa está atrasada com o pagamento de salários a 80 funcionários.
Embaixada de Angola em Lisboa com salários em atraso
Bloomberg
Negócios 09 de julho de 2016 às 11:35
Desde Março, há cinco meses, que a maioria dos funcionários da Embaixada de Angola em Lisboa não recebe salários. São, segundo o Expresso, cerca de 80 pessoas nestas condições, sendo 60 recrutados em Portugal e 20 funcionários diplomáticos deslocados de Angola para Lisboa.

A situação não é, segundo o jornal, única. Em Paris os funcionários não recebem há três meses. 

Fonte não identificada disse ao Expresso que a Embaixada em Lisboa viu o orçamento reduzido "de forma drástica", na sequência da crise do preço do petróleo, o que levou a que se tornasse "impossível honrar os seus compromissos com os trabalhadores".

Além dos salários e subsídios em atraso, a Embaixada estará a ter, também, dificuldades em pagar aos fornecedores. 

Contactado pelo Expresso, o adido de imprensa da Embaixada, Estêvão Alberto, recusou-se a prestar declarações, diz o jornal. 



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI