Américas Lula da Silva: "Fui o melhor Presidente da história do Brasil"

Lula da Silva: "Fui o melhor Presidente da história do Brasil"

Em entrevista ao jornal The Guardian, Lula diz não temer as investigações, porque "não existe crime". Um eventual julgamento não apagará do seu curriculum o facto de ter sido o melhor presidente brasileiro de sempre, diz.
Lula da Silva: "Fui o melhor Presidente da história do Brasil"
Adriano Machado/Reuters
Negócios 04 de julho de 2016 às 15:49

"Não há ninguém no Brasil que esteja tão tranquilo quanto eu". Apesar de enfrentar várias suspeitas de casos judiciais, e de poder ser levado a julgamento em qualquer altura, Lula da Silva, ex-presidente do Brasil, garante que não tem nada a temer. Porque, diz, não cometeu crime algum e confia no sistema de justiça para apurar toda a verdade.


Em entrevista ao jornal inglês The Guardian, Lula diz que, no dia em que o impeachment de Dilma Rousseff foi aprovado, se desfez em lágrimas pelo menos três vezes – "Fiquei muito triste, sofri muito (…). Vi o projecto de transformação deste país a cair aos pedaços".

E é pelo que tentou ele fazer pelo país, e não pelos crimes que lhe imputam, que as investigações estão a ter lugar, defende. Ou seja, do seu ponto de vista, estará em causa uma espécie de luta de classes, em que os mais abastados estão agora a aproveitar para se vingarem das políticas redistributivas e de combate à pobreza do PT.

"Acredito sinceramente que isto chateou muita gente. Hoje em dia existe uma nova classe média nas ruas, nos teatros, nos aeroportos. E uma parte da elite não gosta de partilhar", resume o antigo operário metalúrgico.

 

Lula rejeita o cenário de ter havido dedo dos Estados Unidos no enfraquecimento das esquerdas na região – "Não acredito nisso" - e diz-se firmemente partidário da democracia, em que há uma rotação das lideranças. O problema aqui é que "a direita não quer esperar".

Questionado sobre se admite voltar a candidatar-se, o ex-presidente garante que preferiria não o fazer. "Abandonei o cargo com uma taxa de aprovação de 87%. Fui o melhor presidente na história do Brasil. É quase uma missão impossível tentar repetir esse desempenho. Teria de competir comigo próprio". 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI