Américas Trump anuncia acordo com o Japão e elogia Boris Johnson

Trump anuncia acordo com o Japão e elogia Boris Johnson

À margem da cimeira do G7, em Biarritz, o líder norte-americano garante para breve um acordo comercial com o Japão e considera Boris Johnson "o homem certo".
Trump anuncia acordo com o Japão e elogia Boris Johnson
EPA
Negócios com Lusa 25 de agosto de 2019 às 10:15

Promessa de um acordo comercial com o Japão e elogios a Boris Johnson, primeiro-ministro britânico. Assim foram as primeiras declarações de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, à margem da cimeira do grupo dos sete países mais industrializados do mundo (G7) que decorre em Biarritz, França.

Este domingo, 25 de agosto, Trump garantiu que os Estados Unidos estão "muito próximos" de concluírem um acordo comercial "importante" com o Japão. Washington e Tóquio "trabalham" neste acordo desde há cinco meses, precisou o Presidente norte-americano.

Donald Trump e o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, mantêm boas relações, mas o Presidente dos EUA tem repetidamente criticado "o enorme desequilíbrio comercial bilateral" em benefício do Japão e pediu relações "mais justas".

Os EUA e o Japão terão concordado com um corte nas tarifas de Tóquio sobre a carne bovina e suína dos EUA, segundo a televisão estatal japonesa NHK e vários diários nacionais.

Por sua parte, os Estados Unidos vão cancelar as suas tarifas relativamente a um grande número de produtos industriais do Japão, mas os impostos aduaneiros sobre os carros japoneses serão, para já, mantidos e serão objeto de novas discussões, segundo a NHK.

Caso se confirme a manutenção das tarifas para o setor automóvel, esta seria uma deceção para Tóquio, que quer evitar a aplicação de impostos, por Washington, aos carros japoneses importados.

Johnson, "o homem certo"

Sobre Boris Johnson, Trump considerou-o "o homem certo" para liderar o 'Brexit' e prometeu um acordo bilateral comercial rápido, assim que o Reino Unido deixar a União Europeia. 

O acordo chegará "bastante rápido", já que "não prevemos nenhum problema", assegurou Donald Trump, em breves declarações à imprensa, durante um pequeno-almoço de trabalho com Boris Johnson.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI