Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Banco Mundial diz que PIB da Ucrânia deve encolher 8% em 2014

Más notícias para as autoridades ucranianas que viram esta quinta-feira o Banco Mundial actualizar em baixa as perspectivas económicas. Isto numa altura em que se intensificam os confrontos entre as forças separatistas e o exército leal a Kiev.

Bloomberg
David Santiago dsantiago@negocios.pt 02 de Outubro de 2014 às 16:16

Afinal a situação económica da Ucrânia é ainda pior do que era até agora antecipado. O Banco Mundial afirmou esta quinta-feira, 2 de Outubro, que o produto interno bruto (PIB) ucraniano deverá encolher mais do que o previsto em 2014, contracção que deverá manter-se em 2015.

 

De acordo com as estimativas do Banco Mundial, o PIB da Ucrânia vai contrair 8% em 2014, e não os 5% previstos anteriormente por esta instituição, enquanto que em 2015 se deverá registar uma contracção de 1% em vez do avanço de 2,5% até aqui antecipado.

 

A situação económica deteriora-se à medida que permanecem vivos os confrontos militares entre os separatistas pró-russos e o exército ucraniano. Nos últimos dias tem aumentado a intensidade dos combates entre as partes, isto apesar do acordo de cessar-fogo assinado no dia 5 de Setembro.

 

Acordo esse que nunca foi cumprido integralmente, dado que cada um dos dias contados desde essa data foi marcado por combates. Nos últimos dias, especialmente na última madrugada, os separatistas envolveram-se em violentos confrontos com o exército de Kiev, tendo por objectivo o controlo do aeroporto de Donetsk, uma das principais cidades da região do Donbass.

 

São díspares as declarações sobre este evento, com ambos os lados a garantirem o controlo do aeroporto. Ainda assim, tudo indica que o exército ucraniano continua a controlar o aeroporto situado a norte de Donetsk. O cessar-fogo assinado afirma-se cada vez mais como letra morta.

 

Isso mesmo é destacado pelo representante do Banco Mundial na Ucrânia. Citado pela BBC, Qimiao Fan, nota que a continuação dos confrontos se apresenta como negativa para as perspectivas económicas deste país.

 

Recorda ainda que as regiões de Donetsk e de Luhansk, zonas palco dos confrontos, representam cerca de um sexto do PIB ucraniano e aproximadamente um quarto da produção industrial. A região do Donbass é a mais rica da Ucrânia ao nível de matérias-primas pesadas. 

Ver comentários
Saber mais Ucrânia Banco Mundial Qimiao Fan Donetsk Luhansk
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio