Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

China vê aumento na produção industrial e vendas a retalho em agosto

Dados esta sexta-feira divulgados indicam um crescimento mais rápido do que o esperado, mas a crise imobiliária continua a pesar nas perspetivas do país.

EPA
Negócios jng@negocios.pt 16 de Setembro de 2022 às 11:03
  • Partilhar artigo
  • ...

Os dados divulgados esta sexta-feira na China mostram que a economia do país está de melhor saúde que o previsto. Os dados da produção industrial e das vendas a retalho em agosto indicam um crescimento mais rápido que o esperado, mas a crise imobiliária no país continua a pesar nas perspetivas económicas.

A produção industrial cresceu 4,2% face ao mesmo período do ano anterior, um avanço face aos 3,8% registados em julho. Já as vendas a retalho aumentaram 5,4% face a agosto de 2021, ultrapassando as previsões e os 2,7% em julho.

 

Os dados apontam que a segunda maior economia do mundo está a ganhar algum gás, depois de em junho ter escapado por pouco a um cenário de contração.

Apesar de estes dados oferecerem uma luz ao fundo do túnel, analistas não esperam que isto se mantenha em setembro. "Apesar de o vírus (covid-19) já ter atingido o pico, a atividade deverá manter-se fraca ao longo dos próximos meses devido ao agravamento da crise de liquidez no setor imobiliário, as quedas de exportação e as recorrentes disrupções devido ao vírus", disse Evans-Pritchard  à Reuters.

Ver comentários
Saber mais China economia produção industrial retalho
Outras Notícias