Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

China aprova compra de posição na Petrogal Brasil pela Sinopec

A empresa chinesa comprou 30% da unidade brasileira da Galp, por 2,7 mil milhões de euros. Com aumento de capital e empréstimo accionista, encaixe da empresa liderada por Ferreira de Oliveira é de 3,95 mil milhões.

Negócios negocios@negocios.pt 20 de Abril de 2012 às 12:43
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A aquisição de uma participação na unidade brasileira da Galp Energia por parte da China Petrochemical (Sinopec) foi aprovada pelo governo chinês em Março, segundo um comunicado divulgado no “website” da Comissão de Reforma e de Desenvolvimento Nacional daquele país. Recorde-se que a Sinopec tinha acordado, em Novembro passado, a compra de uma posição de 30% na Petrogal Brasil, tendo também acordado a participação no aumento de capital e empréstimo accionista à subsidiária da Galp, elevando o investimento total da chinesa a cerca de 3,95 mil milhões de euros.

No passado dia 28 de Março, em comunicado à CMVM foi anunciado que a Galp Energia e a chinesa Sinopec tinham concluído a operação de aumento de capital da subsidiária Petrogal Brasil e de outras empresas relacionadas, responsáveis pelas actividades de exploração e produção de petróleo (“upstream”) da Galp no Brasil.

Nos termos do acordo, e após ter recebido o aval das autoridades competentes, a Sinopec subscreveu a totalidade do aumento de capital de 4,8 mil milhões de dólares (3,6 mil milhões de euros) da Petrogal Brasil e de outras empresas relacionadas, referia na altura o comunicado da Galp.

Adicionalmente, a Sinopec realizou um empréstimo accionista à Petrogal Brasil, num montante de 0,36 mil milhões de dólares (0,27 mil milhões de euros), que será utilizado para reembolsar empréstimos accionistas da Galp Energia no mesmo montante. Assim, o encaixe financeiro para a Galp Energia totaliza 5,2 mil milhões de dólares (3,95 mil milhões de euros), acrescentava o documento da petrolífera liderada por Ferreira de Oliveira.

“Com a conclusão da transacção, a Galp Energia detém 70% da Petrogal Brasil e restantes entidades, mantendo a consolidação integral destas empresas, e cabendo à Sinopec os restantes 30% de participação”, concluía o comunicado.

O novo conselho de administração da empresa brasileira é composto por sete membros e eleito de acordo com a proporcionalidade das participações accionistas. A Galp nomeia cinco membros, entre os quais o presidente do referido órgão, e a Sinopec nomeia dois.

Ver comentários
Saber mais Galp Sinopec aumento de capital Petrogal Brasil
Outras Notícias