Mundo Daesh recupera forças com ofensiva turca na Síria

Daesh recupera forças com ofensiva turca na Síria

A investida militar da Turquia nas zonas sírias controladas pelas forças curdas está a beneficiar o Daesh, que estará a reagrupar forças em alguma localidades. Curdos relatam fugas massivas de militantes jihadistas.
Daesh recupera forças com ofensiva turca na Síria
Manuel Esteves 13 de outubro de 2019 às 21:27
Centenas de familiares e pessoas com ligações a membros do Daesh fugiram este domingo de campos de detenção na sequência da ofensiva turca nos territórios da Síria controlados pelas autoridades curdas. A notícia é avançada por vários órgãos de comunicação social, citando fontes curdas, e vem confirmar os receios manifestados.

"Estamos a enfrentar ataques ferozes e fomos obrigados a reduzir o número de militares na zona", afirmou um oficial curdo, citado pelo jornal The New York Times, multiplicando-se os sinais de que os curdos começam a perder o controlo da região, em benefícios do Daesh.

Estas fugas ocorreram horas antes dos Estados Unidos anunciarem a retirada das tropas que ainda permaneciam no Norte da Síria. O secretário de Estado da Defesa norte-americano disse, numa entrevista à CBS, que os EUA iriam evacuar cerca mil militares, o que classificou como uma "retirada deliberada".

Mark T. Esper classificou a escalada do conflito como "uma situação terrível", mas explicou que as tropas norte-americanas não queriam ser apanhadas pelo fogo cruzado. Segundo o governante, as autoridades curdas estão em negociações com a Síria e a Rússia para formar uma aliança contra a Turquia.

A decisão de Trump abandonar a região e os aliados curdos suscitou críticas muito duras, internacionais, mas sobretudo nos Estados Unidos, inclusive vindas das hostes republicanas.

Segundo a ONU, mais de 130.000 pessoas deixaram as suas casas nas cidades de Tal Abyad e Ras al-Ain, desde que a ofensiva turca começou.



Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI