Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Tecnologias e energia penalizam Wall Street

As bolsas norte-americanas encerraram em queda, com excepção do índice Dow Jones. S&P 500 regista maior queda semanal em dois meses.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 18 de Novembro de 2011 às 21:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
As praças do outro lado do Atlântico fecharam no vermelho, penalizadas sobretudo pelo mau desempenho dos títulos ligados às tecnologias e à energia. Esta má performance ofuscou o optimismo em relação ao crescimento da economia, renovado com os bons dados do índice dos indicadores económicos avançados.

A excepção às quedas foi do índice industrial Dow Jones, que conseguiu manter-se sustentado e que terminou com um ganho de 0,22% para 11.797,21 pontos.

Em contrapartida, o índice tecnológico Nasdaq desvalorizou 0,60% a negociar nos 2.572,50 pontos.

O S&P 500, por seu lado, perdeu 0,03% para se estabelecer nos 1.215,72 pontos. Se bem que a descida tenha sido ligeira, com as perdas acumuladas no resto da semana este índice registou a maior perda semanal em dois meses.

Apesar dos bons dados económicos hoje revelados, as bolsas norte-americanas foram pressionadas pelo mau desempenho de alguns sectores e ainda pelos receios em torno da crise da dívida soberana na Zona Euro.

O facto de a agência noticiosa alemã DPA ter avançado que o Ministério alemão dos Negócios Estrangeiros terá referido que Berlim pondera a possibilidade de “defaults ordenados” além da Grécia, na Zona Euro, contribuiu para penalizar a tendência dos mercados accionistas.

Ver comentários
Saber mais Wall Street bolsas EUA Dow Jones S&P 500 Nasdaq
Outras Notícias