Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Temer diz que é altura de unir o país e resgatar a economia

Empossado na quarta-feira em Brasília como chefe de Estado, Michel Temer vai permanecer no cargo até 31 de Dezembro de 2018. 

A carregar o vídeo ...
Negócios 01 de Setembro de 2016 às 01:47
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

O novo presidente do Brasil, Michel Temer, disse que é altura de unir o país, após a destituição de Dilma Rousseff, e que há que resgatar "uma economia mergulhada na recessão".

 

No seu primeiro discurso à nação após ser empossado, Temer declarou, citado pela Reuters, que o Brasil tem de garantir aos investidores estrangeiros que há estabilidade política. Temer sublinhou que o panorama é desafiante mas que os indicadores indicam que a confiança está a começar a regressar.

 

Michel Temer referiu que não será tarefa fácil pôr de novo a economia nos carris, mas que a sua prioridade é aprovar um tecto de gastos este ano, atrair o investimento estrangeiro, reduzir o desemprego e dar início a uma reforma do sistema de pensões.

 

Na primeira reunião com o seu gabinete, após ter sido empossado, Temer afirmou que não tolerará divisões no seio da sua coligação, salientou a Reuters.

 

O político conservador, com 75 anos, foi empossado como presidente do Brasil pelo Senado (câmara alta parlamentar), depois de Dilma Rousseff ter sido destituída do cargo. Político de longa carreira, Michel Temer tornou-se o segundo presidente a chegar ao poder sem ser eleito por voto popular após a redemocratização do Brasil na década de 1980, recorda a agência Lusa.

 

A subida ao poder de Michel Temer, que era vice-presidente do governo de Dilma Rousseff, acontece no âmbito de uma reviravolta política desencadeada por uma das maiores crises económicas e institucionais do Brasil, agravada este ano com denúncias de corrupção contra empresários e políticos brasileiros, muitos destes membros do Governo anterior do Partido dos Trabalhadores (PT).

 

Michel Temer ocupava interinamente a presidência do Brasil desde o passado dia 12 de Maio, quando Dilma Rousseff foi suspensa no decurso do processo de destituição que culminou esta quarta-feira com o seu afastamento.

 

Ver comentários
Saber mais Brasil Michel Temer Dilma Rousseff política
Mais lidas
Outras Notícias