Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street cai penalizada por dados do desemprego e crise na Europa

As bolsas americanas seguem em queda, com os dados referentes aos pedidos de subsídio de desemprego e a situação que se vive na Europa a sobreporem-se aos resultados hoje apresentados por cotadas americanas.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 17 de Maio de 2012 às 14:39
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Dow Jones desce 0,12% para 12.583,20 pontos e o Nasdaq recua 0,05% para 2.872,67 pontos. A situação que se vive na Europa tem penalizado a negociação bolsista, em especial depois das eleições na Grécia não terem dado origem a um governo, isto porque as forças políticas não conseguiram chegar a um acordo.

A penalizar a negociação das bolsas está também um dado económico. O número de pedidos de subsídio de desemprego manteve-se em 370 mil, na semana passada, de acordo com os dados divulgados pelo Departamento do Trabalho dos EUA, citado pela Bloomberg. Os economistas consultados pela agência estimavam uma redução para 365 mil.

Este dado assume relevância, já que dá indicações de como está a reagir o mercado de trabalho. E os números ficaram aquém do esperado, o que sugere que o mercado laboral não está a conseguir recuperar.

A Wal-Mart revelou que os resultados do primeiro trimestre, terminado a 30 de Abril, cresceram 10% para 3,74 mil milhões de dólares, ou 1,09 dólares por acção. Os analistas consultados pela Bloomberg esperavam um lucro de 1,04 dólares por acção.

A Sears também anunciou lucros, o que está a contribuir para a subida das acções.
Ver comentários
Saber mais Bolsas EUA Wall Street Dow Jones Nasdaq
Mais lidas
Outras Notícias