Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lagarde reitera que próximas subidas dos juros irão depender da inflação

"O ritmo apropriado dos futuros aumentos das taxas de juros será decidido em cada reunião. De facto, como enfatizámos repetidamente, iremos continuar dependentes dos dados em todos os cenários", disse.

POOL
Lusa 20 de Setembro de 2022 às 19:34
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...
A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, disse esta terça-feira que os próximos aumentos das taxas de juros vão depender dos dados da inflação.

Num evento organizado pela Sociedade de Comércio, Indústria e Ciência de Frankfurt, Lagarde recordou que nas duas últimas reuniões o BCE aumentou as taxas de juro em 125 pontos base no total, a maior subida da sua história.

Antes destes aumentos, as taxas de juros estavam num nível historicamente baixo, em 0%, pelo que o risco de uma reação exagerada no início do ciclo de aumentos é limitado, segundo Lagarde.

"O ritmo apropriado dos futuros aumentos das taxas de juros será decidido em cada reunião. De facto, como enfatizámos repetidamente, iremos continuar dependentes dos dados em todos os cenários", disse.

A responsável do banco central acrescentou que o nível em que se fixarem as taxas de juros e o ritmo irá depender de como as perspetivas de inflação irão evoluir.

O BCE indicou que está a normalizar a política monetária, terminando com as compras de dívida e subindo as taxas de juro para um nível neutro, o que não é nem expansionista nem restritivo.


Ver comentários
Outras Notícias