Política António Costa segura Centeno para lá de 2019

António Costa segura Centeno para lá de 2019

Segundo o Expresso, Mário Centeno não queria voltar a ser ministro das Finanças num próximo Governo, mas António Costa não está disposto a abdicar de um dos seus trunfos.
António Costa segura Centeno para lá de 2019
Reuters
Negócios 13 de abril de 2019 às 11:10

Mário Centeno não queria ocupar o lugar de ministro das Finanças caso o PS voltasse a formar Governo, mas o primeiro-ministro António Costa não está disposto a abdicar de um dos seus "trunfos", escreve o Expresso na edição deste sábado.

De acordo com a mesma publicação, nos últimos meses, Centeno começou a contar os dias que faltam para acabar a sua missão, por razões familiares e profissionais.

No entanto, o primeiro-ministro não estará disposto a prescindir do seu serviço e já comunicou ao também presidente do Eurogrupo que conta com ele para continuar a tutelar as Finanças para lá de 2019, segundo fontes citadas pelo Expresso.

Recentemente, em entrevista à SIC, o ministro não excluiu essa possibilidade, mas remeteu uma resposta para Setembro, altura em que os socialistas terão de entregar as listas de candidatos às eleições legislativas.

"Vão ter de contar com ele", disse uma fonte próxima do primeiro-ministro ao Expresso, sublinhando que se trata de uma das figuras mais populares do atual Governo.




Marketing Automation certified by E-GOI