Política BE exulta “vitória da democracia” do seu “partido-irmão”

BE exulta “vitória da democracia” do seu “partido-irmão”

Foi a porta-voz do Bloco de Esquerda a exaltar a cada vez mais provável vitória do Syriza nas eleições deste domingo. No entender de Catarina Martins, esta vitória define “o princípio do fim da austeridade” e o início da “alternativa”.
BE exulta “vitória da democracia” do seu “partido-irmão”
Bruno Simão/Negócios
David Santiago 25 de janeiro de 2015 às 19:55

Foi com entusiasmo que o Bloco de Esquerda reagiu aos números que apontam para uma clara vitória do Syriza nas legislativas gregas que decorreram este domingo. Catarina Martins, porta-voz dos bloquistas, anunciou que "a esperança" nasceu agora com aquilo que "é uma vitória da democracia".

 

A deputada bloquista, que olha para a coligação de esquerda radical grega como um "partido-irmão", classificou a vitória do Syriza como uma "vitória da dignidade contra a austeridade".

 

"Hoje é o princípio do fim da austeridade", assegurou Catarina Martins que convoca todas a Europa para a "ideia da reestruturação das dívidas soberanas". Uma "reestruturação das dívidas de todos os países do sul", sublinhou.

 

A previsível vitória do partido de Alexis Tsipras mostra que "o Syriza fez um grande percurso que as esquerdas europeias terão de fazer", considerou a bloquista que garante ser necessário "um compromisso claro de todos aqueles que acham que a austeridade tem de acabar". Daqueles que não preferem "continuar com uma política de submissão a [Angela] Merkel", concluiu. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI