Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cavaco deseja aos membros do Governo energia para enfrentar problemas que vão surgir em 2011

O Presidente da República desejou hoje aos membros do Governo que regressem em 2011 "com energia, com serenidade e com determinação" para enfrentar os problemas que vão surgir. Já Sócrates manifestou "a fidelidade do Governo aos valores da lealdade e da cooperação institucional, que são tão necessários nesta fase que o país atravessa".

Lusa 23 de Dezembro de 2010 às 13:57
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
Cavaco Silva fez estas declarações no Palácio de São Bento, durante a tradicional cerimónia de troca de cumprimentos de boas festas com o Governo, na qual ambos consideraram que 2011 será um ano exigente para todos os órgãos de soberania e falaram em cooperação institucional.

O primeiro-ministro, José Sócrates, manifestou "a fidelidade do Governo aos valores da lealdade e da cooperação institucional, que são tão necessários nesta fase que o país atravessa".

No final da cerimónia, houve um momento mais descontraído, que suscitou sorrisos, quando José Sócrates sugeriu a Cavaco Silva que se colocasse "no meio do Governo" para a fotografia.

"Se o senhor Presidente quiser ficar aqui no meio do Governo", disse-lhe José Sócrates.

Os dois, que se encontravam no extremo direito da fila dos membros do Governo, passaram então para o centro, enquanto os ministros se realinhavam -- todos, excepto o ministro das Finanças, que esteve representado pelo secretário de Estado do Orçamento, Emanuel dos Santos. Cavaco Silva cumprimentou depois, um a um, todos os membros do Governo e, quando saía da Sala dos Embaixadores, deu um cumprimento especial a Emanuel dos Santos.

Na sua curta intervenção, o Presidente da República deixou aos membros do Governo a seguinte mensagem: "O ano de 2011 não será um ano fácil, será um ano em que se exigem grandes responsabilidades, em que se exige muito a todos os órgãos de soberania".

"A todos cabe contribuir para que a evolução do país seja tão positiva quanto possível. É essa a nossa responsabilidade, a responsabilidade de todos os órgãos de soberania. E, por isso, o que desejo a todos os membros do Governo é que regressem no ano de 2011 com energia, com serenidade e com determinação para enfrentar os problemas que, com certeza, se colocarão sobre as vossas secretárias", completou.

Cavaco Silva desejou a todos "um feliz Natal e um ano de 2011 tão próspero quanto possível, tão feliz quanto possível para cada um de vós e para as vossas famílias".


Antes, também o primeiro-ministro considerou que estes são "tempos de grande exigência, que impõem a todos os líderes políticos, a todas as instituições um empenhamento na defesa do interesse nacional" e desejou "boas festas ao senhor Presidente da República e a toda a sua família".

Tanto José Sócrates como Cavaco Silva afirmaram "cumprir com gosto" esta tradição de troca de cumprimentos, tendo o Presidente da República defendido que "as tradições como estas estão para além dos tempos e devem ser preservadas como um sinal da cooperação entre órgãos de soberania".

Segundo fonte oficial, o primeiro ministro, José Sócrates, deslocou-se para esta cerimónia de carro eléctrico

Ver comentários
Saber mais Cavaco economia Natal
Mais lidas
Outras Notícias