Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Espanha realiza novas eleições a 26 de Junho

Os espanhóis vão ser chamados a votar novamente no próximo dia 26 de Junho depois do fracasso das negociações para formar Governo. A campanha eleitoral arranca a 10 de Junho.

14º - Espanha - Dívida pública de 99% do PIB em 2016
Bloomberg / Reuters / Getty Images
Rita Faria afaria@negocios.pt 03 de Maio de 2016 às 10:16
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Os espanhóis vão voltar às urnas no próximo dia 26 de Junho. O rei Felipe VI assinou esta terça-feira, 3 de Maio, o decreto de dissolução do parlamento e de convocatória automática de eleições, depois do fracasso das negociações para formar Governo.

Esta é a primeira vez desde 1978 que se aplica o artigo 99 da Constituição que assegura que: "Se transcorrido o prazo de dois meses, a partir da primeira votação de investidura, nenhum candidato tiver obtido a confiança do Congresso, o Rei dissolverá ambas as Câmaras e convocará novas eleições com o acordo do Presidente do Congresso".


Patxi López, presidente da Câmara baixa, dirigiu-se ao Palácio da Zarzuela esta manhã e remeteu o texto do decreto para o Boletim Oficial do Estado (BOE) para a sua publicação na edição electrónica. Desde este momento, estão dissolvidas as cortes.

Segundo os prazos previstos no decreto, as novas cortes serão constituídas previsivelmente a 19 de Julho. Já a campanha eleitoral terá início a 10 de Junho. Os partidos terão até 13 de Maio para comunicar candidaturas em coligação, sendo 23 de Maio o último dia para apresentar candidaturas. 

Nenhum candidato reuniu apoios suficientes depois da investidura frustrada do socialista Pedro Sánchez e da decisão de Mariano Rajoy de declinar a proposta do rei de Espanha para tentar chegar a um acordo, apesar de liderar o partido mais votado nas eleições de Dezembro.  

 

Os partidos não chegaram a um entendimento nos prazos previstos e não há garantias de que isso não volte a acontecer nas eleições de 26 de Junho. 

Aliás, a mais recente sondagem da Sigma Dos para o El Mundo mostra que as próximas eleições gerais de Espanha poderão ter um resultado próximo ao registado a 20 de Dezembro. A verificar-se este desenlace, nenhum partido ficará sequer próximo  de assegurar uma maioria parlamentar. 

 

Ver comentários
Saber mais Espanha eleições Governo
Mais lidas
Outras Notícias