Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mário Soares aconselha PS a "ouvir" PCP e Bloco de Esquerda

O fundador e antigo secretário-geral do Partido Socialista considera que a probabilidade de Portugal se tornar ingovernável após as eleições legislativas é "alta e perigosa". Para Soares seria "útil" ao partido do Governo ouvir os partidos à sua esquerda.

António Larguesa alarguesa@negocios.pt 16 de Junho de 2009 às 13:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...


O fundador e antigo secretário-geral do Partido Socialista considera que a probabilidade de Portugal se tornar ingovernável apóbs as eleições legislativas é “alta e perigosa”. Para Soares seria “útil” ao partido do Governo ouvir os partidos à sua esquerda.

Num artigo publicado na edição de hoje do DN, Mário Soares afirma que a ultrapassagem do PSD ao PS nas urnas é “uma nova realidade com a qual o PS tem de lidar com humildade, lucidez e sentido crítico, se quiser vir, de algum modo, a invertê-la” nos três meses que faltam para as legislativas. “Não vai ser uma tarefa fácil. Não se deve, por isso, perder tempo”, avisa.

Não acreditando que a soma de votos do PSD e CDS/PP dê uma maioria absoluta à direita, o fundador do PS diz que os três partidos à esquerda devem “ir fazendo os entendimentos possíveis”, consciente de que “a ligação entre PCP e Bloco é tão difícil e dos dois com o PS não menos difícil, até no plano pessoal”.

“Acharia também útil que se ouvissem os partidos de esquerda - o Bloco de Esquerda e a CDU - não para fazer acordos, antes ou pós-eleitorais, não é tempo disso, mas para compreender como vêem o futuro próximo, que é bem possível, se houvesse uma nova derrota do PS, ficasse bem mais negro do que está”, escreve Mário Soares.

O antigo Presidente da República refere ainda no mesmo artigo de opinião que é urgente “recuperar os votos perdidos” dos eleitores descontentes com a crise global importada e talvez também pela maneira como PS tem lutado contra a crise”.

Ver comentários
Outras Notícias