Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mário Soares pede entendimento pessoal entre Sócrates e Passos Coelho

O ex-Presidente da República apela para que os dois líderes "cheguem a um entendimento".

Lusa 22 de Setembro de 2010 às 22:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...
O ex-Presidente da República Mário Soares considerou hoje ser necessário que os dois principais líderes políticos portugueses, José Sócrates e Pedro Passos Coelho, "cheguem a um entendimento".

"Quero que eles se entendam pessoalmente e não só os dois partidos", disse, em defesa de um acordo entre PS e PSD para aprovar o próximo Orçamento do Estado.

Soares falava aos jornalistas na Universidade do Minho, à margem de um debate sobre a primeira República, em que também participaram o ex-primeiro ministro Pinto Balsemão, o banqueiro Artur Santos Silva e o administrador da Rádio Renascença, padre João Aguiar.

Mário Soares disse concordar com o apelo "à calma" feito pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, e disse que "ninguém sabe o que está a fazer o Governo" nem "o que está a combinar com o líder do PSD", Passos Coelho.

Na sua opinião, o Fundo Monetário Internacional (FMI) não terá de vir a Portugal. "Não era uma desgraça que o FMI viesse, mas é melhor que não venha, até porque ele próprio reconheceu que não é necessário", salientou, lembrando que quando chefiou o Governo "teve de o aguentar duas vezes".

Sobre a recente polémica acerca do crescimento da despesa pública em Portugal, Soares desvalorizou o assunto. "Em Portugal, a despesa não tem sido assim tão aumentada", declarou.

Ver comentários
Outras Notícias