Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Marcelo irá falar com partidos sobre Programas de Estabilidade e de Reformas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta sexta-feira que irá discutir nas suas próximas audiências com os partidos, depois da Páscoa, o Programa de Estabilidade e o Programa Nacional de Reformas a apresentar pelo Governo.

3º Marcelo Rebelo de Sousa, 1169 notícias - Terão sido poucos os dias em que o Presidente da República não fez declarações públicas este ano.
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 07 de Abril de 2017 às 17:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

De acordo com uma nota divulgada no website da Presidência da República, o chefe de Estado vai receber PSD, PS, BE, CDS-PP, PCP, PEV e PAN nos dias 17 e 18 de Abril, no âmbito dos "contactos regulares" que mantém com os partidos políticos com representação parlamentar.

 

À margem de uma visita a uma exposição sobre saúde em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa foi questionado sobre qual será o tema dessas audiências. "Como saberão, o Governo vai aprovar o Plano de Estabilidade e o Plano Nacional de Reformas na versão para o futuro próximo que irá depois ao parlamento. Entre um momento e outro momento, o Presidente da República recebe, como tem feito periodicamente, os partidos com assento parlamentar", justificou.

 

O parlamento debaterá em 19 de Abril o Programa de Estabilidade e o Programa Nacional de Reformas.

 

Há um ano, na primeira vez que o chefe de Estado chamou a Belém os partidos com representação parlamentar depois de tomar posse, em 9 de Março de 2016, o tema dos encontros foi também o Programa de Estabilidade e o Programa Nacional de Reformas apresentados pelo Governo.

 

Os jornalistas ainda tentaram questionar o Presidente da República sobre a crítica que lhe foi dirigida pelo líder do PSD, Pedro Passos Coelho - que afirmou em entrevista à SIC que teria gostado de ver o chefe de Estado defender o Conselho de Finanças Públicas - mas Marcelo Rebelo de Sousa já se afastava da comunicação social.

 

Segundo a agenda divulgada por Belém, o primeiro encontro do chefe de Estado será com o PSD, no dia 17, pelas 14:00. Uma hora mais tarde, às 15:00, acontecerá a reunião do Presidente da República com o PS e, às 16:00, será a vez de o BE ser recebido no Palácio de Belém.

 

Para dia 18 ficaram agendadas as audiências com o PCP (14:00), PEV (15:00), PAN (16:00) e CDS-PP (17:00).

 

Esta é a quarta vez que Marcelo Rebelo de Sousa chama os partidos com representação parlamentar sem ser por imposição constitucional.

 

Depois dos encontros em Abril de 2016, que tiveram como tema o Programa de Estabilidade e o Programa Nacional de Reformas, Marcelo Rebelo de Sousa voltou a receber as delegações partidárias para uma análise da situação política, em 25 de Julho.

 

Em Outubro, o chefe de Estado convocou novamente os partidos com assento parlamentar para audiências em Belém, na sequência da apresentação da proposta de Orçamento do Estado para 2017.

 

Em 27 e 28 de Junho, o Presidente da República recebeu os partidos representados na Assembleia Legislativa dos Açores, por imposição constitucional, no quadro da marcação da data das eleições nesta região autónoma.

Ver comentários
Saber mais PEV PCP PS Presidência da República Palácio de Belém Conselho de Finanças Públicas Marcelo Rebelo de Sousa Plano de Estabilidade Programa Nacional de Reformas política Orçamento do Estado
Mais lidas
Outras Notícias