Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Novo Banco nacionalizado? "Não há fumo sem fogo"

Num artigo de opinião publicado no Negócios, Maria Luís Albuquerque sugere uma ligação entre as necessidades de recapitalização da CGD e os rumores sobre a integração do Novo Banco no banco público. Do negócio dependerá mesmo a sobrevivência deste Governo, diz.

Miguel Baltazar
Negócios 22 de Junho de 2016 às 09:05
  • Assine já 1€/1 mês
  • 33
  • ...

O PSD desconfia que o Governo esteja a preparar-se para nacionalizar o Novo Banco, integrando-o na Caixa Geral de Depósitos. Este é um cenário de que se fala, aqui como em Bruxelas, havendo até quem diga que, se a Comissão Europeia não aprovar este negócio, o Governo poderá mesmo cair. Os rumores são avançados esta quarta-feira ao Negócios por Maria Luís Albuquerque, para quem "não há fumo se fogo".

 

Num artigo de opinião onde defende a posição do PSD de avançar com a comissão parlamentar de inquérito à CGD, a ex-ministra das Finanças diz que 4 mil milhões de euros para a recapitalização são excessivos, à luz daquilo que era o seu conhecimento dos factos quando saiu do Governo. E sugere que haja uma ligação entre esta avultada quantia, que já terá sido entretanto explicada ao BE e ao PCP, e o Novo Banco.

 

Maria Luís rejeita que haja qualquer contradição entre o facto de o PSD querer uma comissão de inquérito pouco tempo depois de ter saído do Governo, porque "é precisamente por o PSD não desconhecer o que se passava até ao final de Novembro de 2015 que queremos saber porque é pedido aos portugueses um esforço tão significativo".

 

A actual deputada e vice-presidente do PSD atira-se ao PCP, que argumenta agora que um inquérito poderá fragilizar a CGD mas que, "até hoje, nunca demonstrou qualquer pejo no escrutínio de instituições financeiras, bem pelo contrário".

 

Para Maria Luís, esta comissão de inquérito não deverá destapar grandes novidades sobre o passado - "mas o que é que não se sabe já?", questiona. A sua grande virtude estará em evitar que erros semelhantes ou outros se cometam no futuro. E sobre os planos futuros, há muito em aberto que é necessário esclarecer atempadamente. 


O PSD parte praticamente isolado para o inquérito parlamentar à CGD, enfrentando as pressões do próprio Presidente da República e do governador do Banco de Portugal. 
Ver comentários
Saber mais CGD recapitalização comissão parlamentar de inquérito CPI Novo Banco Maria Luís Albuquerque
Outras Notícias