Política PS apela ao consenso no final do debate do orçamento dos Açores

PS apela ao consenso no final do debate do orçamento dos Açores

O PS, que tem maioria absoluta no parlamento dos Açores, disse hoje que aprovará propostas de quatro partidos da oposição para o orçamento regional de 2014, considerando que "este é o tempo de promover consensos".
Lusa 29 de novembro de 2013 às 00:10

"Temos divergências políticas e ideológicas com todos os partidos da oposição. É normal e saudável que assim seja. Mas isso nunca se pode sobrepor ao interesse colectivo, sobretudo no tempo de excepção que atravessamos", disse o líder parlamentar da bancada socialista, no encerramento do debate parlamentar sobre os documentos orçamentais dos Açores para 2014.

 

Saudando "o esforço de todos para a apresentação de propostas e ideias para o Plano e Orçamento", Berto Messias garantiu que os socialistas vão aprovar iniciativas de toda a oposição, menos do BE, "com quem infelizmente não foi possível chegar a consensos".

 

Berto Messias considerou que os documentos propostos ao parlamento regional pelo Governo açoriano "materializam uma agenda compensatória para amenizar os impactos da crise e das más opções políticas do Governo da República".

 

Depois de destacar o "aumento dos apoios sociais", às empresas e aos funcionários públicos, considerou que as opções políticas dos Açores deveriam ser "inspiradoras para o resto do país".




Marketing Automation certified by E-GOI