Política PS reitera disponibilidade para “iniciar processo de diálogo” com todas as forças políticas

PS reitera disponibilidade para “iniciar processo de diálogo” com todas as forças políticas

Partido Socialista ressalva, contudo, que exclui deste processo “qualquer possibilidade de apoio, e muito menos integração, em qualquer solução governativa que resulte do actual quadro parlamentar”.
PS reitera disponibilidade para “iniciar processo de diálogo” com todas as forças políticas
Negócios 11 de julho de 2013 às 23:08

 O Secretariado Nacional do Partido Socialista reafirmou hoje, em comunicado, “a disponibilidade” do partido para “iniciar o processo de diálogo, com o objectivo de encontrar as soluções que melhor sirvam o interesse nacional e o futuro dos portugueses”.

 

“Este processo de diálogo deve integrar todas as forças políticas com representação parlamentar e incidir em políticas que promovam o crescimento económico, o emprego e o reforço da posição de Portugal na União Europeia”, acrescenta o documento divulgado na sequência da reunião de hoje entre o secretário-geral do PS, António José Seguro, e o Presidente da República, Cavaco Silva.

 

A grave crise económica, social e política que o país enfrenta exige de todos os responsáveis políticos essa disponibilidade para encontrar soluções, sublinha o PS, acrescentando que “é essa responsabilidade que mais uma vez o PS assume, em total coerência com os seus valores e com as suas posições públicas”.

 

O PS “reafirma” ainda que exclui deste processo “qualquer possibilidade de apoio, e muito menos integração, em qualquer solução governativa que resulte do actual quadro parlamentar”.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI