Política Seguro: “Um líder deve unir, deve somar, e aqui estou para isso”

Seguro: “Um líder deve unir, deve somar, e aqui estou para isso”

O secretário-geral do PS diz ser a pessoa indicada para liderar o partido.
Seguro: “Um líder deve unir, deve somar, e aqui estou para isso”
Negócios 31 de janeiro de 2013 às 00:02

António José Seguro disse esta noite, em entrevista à SIC Notícias, que se tivesse dúvidas que que é a pessoa indicada para ser líder do PS, então ele próprio colocaria o seu lugar à disposição.

 

“António Costa é um excelente presidente da Câmara Municipal de Lisboa e tem todo o direito a ter as suas opiniões e a dar o seu contributo para a vida do País e do Partido Socialista”, frisou Seguro, mas ressalvando que o defecho da comissão política do PS foi “bastante positivo”. Acrescentou ainda que com um PS em clima de união, ganha o País. “E quando ganha o País, ganhamos todos”.

 

Sobre a reunião que teve hoje com António Costa, o líder do PS disse que tiveram ambos “uma conversa muito franca” e que estiveram a trabalhar com base no entendimento de que “ deve haver uma estratégia que coloque o emprego e o crescimento económico como prioridade da nossa alternativa”.

 

António José Seguro sublinhou ainda que não quer um partido unanimista, pois “a união constrói-se na pluralidade”. “Quero um partido plural no debate e unido na acção”, disse.

 

 




Marketing Automation certified by E-GOI