Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sócrates compra guerra com Passos nos cortes aos benefícios fiscais

PM tentou virar à esquerda mas CDS, Bloco e PCP vincaram a proximidade ao PSD.

Pedro Romano promano@negocios.pt 16 de Julho de 2010 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • ...
A limitação de benefícios fiscais é mesmo para avançar em 2011. A garantia foi dada ontem por José Sócrates no Parlamento, que fez assim "vista grossa" à ameaça do PSD de não aprovar o Orçamento do próximo ano caso os cortes sejam contemplados. Para o primeiro-ministro, a situação é simples: "A medida está no PEC (Programa de Estabilidade e Crescimento) e por isso não abdicamos dela".

Apesar de a afirmação ter sido feita após a intervenção de Paulo Portas, o líder social-democrata também terá sido um dos destinatários. Isto porque a limitação das deduções recebeu o "sim" do PSD na Assembleia da República, mas numa altura em que a liderança ainda pertencia a Manuela Ferreira Leite. Passos Coelho apenas "aprovou" o PEC 2, do qual a medida já não fazia parte, e terá agora uma palavra decisiva na aprovação ou não do próximo Orçamento.













logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias