Política Sócrates já se encontra outra vez no Tribunal de Instrução Criminal

Sócrates já se encontra outra vez no Tribunal de Instrução Criminal

José Sócrates já chegou ao Campus de Justiça de Lisboa, onde deverão continuar as diligências no âmbito das investigações de suspeitas dos crimes de fraude fiscal, branqueamento de capitais e corrupção.
A carregar o vídeo ...
Sara Antunes 24 de novembro de 2014 às 09:49

José Sócrates já se encontra no Tribunal Central de Instrução Criminal, depois de ter passado mais uma noite detido no Comando Metropolitano da PSP de Lisboa.

 

De acordo com as estações de televisão já chegaram ao Campus da Justiça também o advogado de José Sócrates João Araújo, e Paula Lourenço, advogada de outros arguidos no processo: Carlos Santos Silva e Gonçalo Ferreira.

 

A expectativa é de que esta segunda-feira sejam conhecidas as medidas de coacção que serão aplicadas aos quatro arguidos. Além de José Sócrates, estão constituídos arguidos Carlos Santos Silva, empresário e amigo de longa data de José Sócrates, Gonçalo Trindade Ferreira, advogado, e João Perna, motorista.

 

A PGR esclareceu durante este fim-de-semana que o inquérito que envolve José Sócrates teve "origem numa comunicação bancária", não tendo origem noutros processos, como o Monte Branco ou a Operação Furacão.

 

O ex-primeiro-ministro foi detido na sexta-feira, quando chegava a Lisboa proveniente de Paris. No sábado, 22 de Novembro, foram feitas diligências, que incluíram buscas a casa de José Sócrates. No domingo, o ex-primeiro-ministro esteve a prestar depoimento no Tribunal, tendo permanecido detido esta noite sem terem sido determinadas as medidas de coacção.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI