Política Sondagem: PS aumenta vantagem para o PSD

Sondagem: PS aumenta vantagem para o PSD

O PS cresce mais do que o PSD cai. O maior crescimento é à direita, com o CDS próximo dos 7%. A CDU cresce e fica taco-a-taco com o Bloco de Esquerda, que cai em relação à última sondagem do Expresso/SIC.
Sondagem: PS aumenta vantagem para o PSD
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 16 de setembro de 2016 às 12:19

O Partido Socialista continua a ganhar terreno nas intenções de voto, voltando a distanciar-se do maior partido da oposição, o PSD, na mais recente sondagem, divulgada esta sexta-feira, 16 de Setembro, pelo Expresso e SIC.

De acordo com aquele estudo de opinião realizado pela Eurosondagem, o partido liderado por António Costa cresce 0,5 pontos percentuais face à última sondagem realizada, para os 36%, enquanto a formação conduzida por Passos Coelho recolhe 32,1% das intenções de voto, uma queda de 0,4 pontos percentuais em relação ao último inquérito.

A maior queda ocorre num dos partidos que apoiam o Governo no Parlamento: o Bloco de Esquerda, que recua 0,8 pontos percentuais para 8,2%, mantendo-se ainda assim ligeiramente à frente da CDU. A coligação que soma PCP e Verdes até cresce (0,3 pontos percentuais), ficando nos 8,1%.

O maior crescimento chega no entanto da direita, onde Assunção Cristas leva o CDS aos 6,9% depois de um aumento de 0,9 pontos percentuais contra a última sondagem. O período em que as 1.009 entrevistas foram feitas - de 7 a 14 de Setembro - coincide com a apresentação da candidatura de Cristas à Câmara Municipal de Lisboa.

Mas também coincide com uma semana em que, depois da resposta dada pelo ministro das Finanças, Mário Centeno, a uma jornalista da televisão norte-americana CNBC, regressou à ordem do dia a possibilidade de um segundo resgate. Uma eventualidade que foi mais tarde recusada tanto pelo Governo como pela oposição.

Já há uma semana uma sondagem da Aximage para o Negócios e o Correio da Manhã mostrava que, entre Julho e Setembro, os socialistas tinham aumentado a vantagem sobre o PSD. Nessa sondagem, o PS liderava em Setembro com 39,8% das intenções de voto, quase mais 10 pontos do que os 30,1% alcançados pelo PSD. Além dos socialistas, só o Bloco de Esquerda (ao contrário do que acontece agora) tinha crescido face a Julho.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI