Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Teresa Leal Coelho: "Não viramos as costas aos portugueses"

A vice-presidente do PSD Teresa Leal Coelho afirmou esta quinta-feira que o seu partido assume as suas responsabilidades e não vira as costas aos portugueses, depois de questionada sobre o cenário de uma possível demissão do primeiro-ministro.

Bruno Colaço/Correio da Manhã
Lusa 28 de Março de 2013 às 17:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • 57
  • ...

"Assumimos as nossas responsabilidades, a nossa quota-parte de responsabilidades. Não viramos as costas aos portugueses", declarou Teresa Leal Coelho à agência Lusa, na Assembleia da República.

 

"Faremos tudo o que está ao nosso alcance. Esta é uma tarefa colectiva, todos têm de assumir a sua quota-parte de responsabilidades", acrescentou a vice-presidente do PSD, que é também deputada e vice-presidente da bancada social-democrata, escusando-se a fazer mais declarações.

 

Teresa Leal Coelho falava depois de questionada sobre o cenário de uma possível demissão do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, na sequência de um eventual chumbo pelo Tribunal Constitucional de parte substancial das normas do Orçamento do Estado para 2013 enviadas para fiscalização sucessiva da constitucionalidade.

 

Segundo a edição de hoje do jornal Público, Pedro Passos Coelho admitiu, perante a Comissão Permanente do PSD, que um eventual chumbo de várias normas do Orçamento pelo Tribunal Constitucional pode levá-lo a demitir-se, porque o Governo não teria condições para pedir mais sacrifícios aos portugueses.

 

Por sua vez, o semanário Sol noticiou hoje que o primeiro-ministro e presidente do PSD "apresentou dois cenários possíveis" à direcção social-democrata, como resultado desse eventual chumbo: a formação de um Governo "de salvação nacional" ou eleições imediatas.

Ver comentários
Saber mais Teresa Leal Coelho PSD política Tribunal Constitucional
Mais lidas
Outras Notícias