Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Louçã alerta para "espiral da dívida" na Grécia e Irlanda e insiste na renegociação da dívida

O coordenador do Bloco de Esquerda alertou hoje para a "espiral da dívida" que arrasta a Grécia e a Irlanda para a "incapacidade de responder perante os seus povos", insistindo na urgência da renegociação da dívida nacional.

Lusa 30 de Maio de 2011 às 16:28
  • Partilhar artigo
  • ...
No final de um almoço com estudantes nas cantinas da Universidade de Coimbra, Francisco Louçã falou aos jornalistas sobre as novas ameaças relativamente à Grécia. "Soubemos não só que a Grécia não tem a certeza de conseguir fazer os seus pagamentos porque está em rotura financeira graças ao aumento do endividamento e do seu défice, mas sabemos que a Irlanda vem dizer hoje que ainda não tem um ano de intervenção destes programas e já está a ter que pedir um segundo empréstimo", disse.

Segundo o líder do Bloco, "a espiral da dívida arrasta estes países para a incompetência económica e para a incapacidade de responder perante os seus povos". "Essa é mais uma razão para insistirmos na renegociação da dívida para que baixem os juros", sublinhou.

Louçã voltou assim a uma ideia que tem defendido nas suas intervenções: "Se continuarmos como a Grécia e a Irlanda estaremos mais próximos da bancarrota". "É por isso que é preciso trazer sensatez e clareza ao debate económico", enfatizou.

O “Financial Times” avançou hoje que a economia grega vai sofrer uma "intervenção externa sem precedentes", estando os líderes europeus a negociar um novo acordo para auxiliar financeiramente o país, mas não sem impor duras exigências.

Ver comentários
Saber mais Louçã Bloco de Esquerda dívida pública renegociação
Outras Notícias