Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Passos Coelho pede ao Governo para deixar de "empurrar despesas com a barriga"

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou hoje o Governo de estar a adiar a contabilização de 200 milhões de euros para efeitos de défice e pediu-lhe que deixe de "empurrar despesas com a barriga".

Lusa 24 de Maio de 2011 às 12:23
  • Assine já 1€/1 mês
  • 19
  • ...
Em declarações aos jornalistas, durante uma visita à feira de leilões de gado de Portalegre, Passos Coelho disse basear-se no relatório da Unidade Técnica de Acompanhamento Orçamental (UTAO), que funciona junto do Parlamento, sobre a execução orçamental do primeiro trimestre deste ano.

"Se este esquema continua, o país sabe que precisará ou de mais dinheiro ou de mais sacrifícios. Ora, isto não é tolerável quando o Governo sabe que é o país que sofre com esta situação", criticou Passos Coelho, apelando "ao Governo para que seja diligente e transparente na forma como estas despesas estão a ocorrer".

O presidente do PSD acrescentou: "Se não consegue travá-las, que peça ajuda. Se consegue travar essas despesas, que comece rapidamente a mostrar aquilo que vale e a pôr tudo em pratos limpos, porque senão o país vai sofrer com isso".
Ver comentários
Saber mais Passos Coelho Política Eleições
Outras Notícias