26 de maio de 2019 às 23:06
PURP em 'blackout' não comenta resultados eleitorais

O Partido Unido dos Reformados e Pensionistas (PURP) recusou-se a comentar os resultados das eleições europeias, alegando que está em 'blackout' contra a comunicação social.

A agência Lusa contactou o cabeça de lista do PURP às europeias, Fernando Loureiro, que disse que o partido está em 'blackout' e só aceitava comentar os resultados em direto na televisão ou na rádio.

Com 37 freguesias por apurar, o PURP tinha 12.466 votos, correspondentes a 0,42% do total, e era a 15.ª força política mais votada de entre as 17 que concorreram às eleições europeias. O PURP não participou nas eleições europeias de 2014, pois só foi fundado no ano seguinte.