Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Barroso: Desemprego e sentimento contra estrangeiros na base dos resultados das europeias

O presidente da Comissão Europeia disse esta segunda-feira, 26 de Maio, que existem diferentes motivos por detrás dos resultados das eleições europeias de domingo, com um avanço de partidos eurocépticos. No entanto, refere que o aumento do desemprego e o sentimento contra estrangeiros é o denominador comum.

Reuters
Nuno Aguiar naguiar@negocios.pt 26 de Maio de 2014 às 16:20
  • Assine já 1€/1 mês
  • 33
  • ...

"Esta crise teve um impacto. Foi a maior crise desde o início da integração europeia. O maior teste de stress de sempre. Isso foi sentido nos partidos, principalmente nos extremos. Na extrema-direita, mas também na extrema-esquerda, afirmou Durão Barroso, durante a sua intervenção no Fórum do BCE, organizado em Sintra. "Conhecíamos esta tendência antes das eleições."

 

O ainda presidente da Comissão Europeia explicou que "é difícil encontrar um facto, porque as situações são muito diferentes em cada país" e pediu que se evitem "generalizações fáceis". Contudo, admitiu que os resultados das eleições reflectiram "algo mais profundo", relacionado com "o desemprego e o sentimento contra estrangeiros". "Posições anti-imigração foram um dos principais motivos do voto eurocéptico", acrescentou.

 

Para Barroso, existe um sentimento generalizado por toda a Europa de que "as elites políticas e financeiras não querem saber de nós". "A pessoa comum acha que não pode controlar o que está a acontecer." O ex-primeiro-ministro português sublinhou que, "com a excepção de alguns países nórdicos, é essa a tendência. "Terreno fértil para o extremismo. Proteccionista, contra a globalização e contra imigrantes."

 

Sobre os resultados em França, onde se observou uma vitória da Frente Nacional, Barroso destacou apenas a importância do eixo Berlim-Paris, desejando que, além das divergências já existentes, não passe a haver uma "divergência política".

Ver comentários
Saber mais Durão Barroso Fórum do BCE presidente da Comissão Europeia política eleições europeias
Mais lidas
Outras Notícias