Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Paulo Portas: "Venceu o candidato mais preparado"

Líder do CDS/PP considera que o vencedor destas eleições presidenciais é o melhor preparado para o cargo e o que "mais podia unir o País". Paulo Portas considera que os portugueses responderam de forma negativa às campanhas negativas e que os resultados mostram que chumbam uma união entre PS e Bloco de Esquerda.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 23 de Janeiro de 2011 às 20:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
“Com os resultados eleitorais que já estão consolidados, é possível retirar cinco lições da expressão da vontade popular”, afirmou Paulo Portas no início da declaração que fez aos jornalistas.

“Venceu o candidato mais preparado e o que mais podia unir o país. Endereçamos parabéns e desejamos felicidades” a Cavaco Silva. E “quero agradecer ao eleitorado do CDS que se mobilizou e deu um contributo muito importante a esta vitória.”

Em segundo, Paulo Portas quis “destacar que esta foi a primeira vez desde as eleições legislativas de 209 que os portugueses tiveram oportunidade de expressar a sua insatisfação com o estado do País. O candidato apoiado pelo Governo perdeu de uma forma inapelável”, sublinhou.

A terceira questão que Paulo Portas salientou refere-se à união entre PS e Bloco de Esquerda e ao seu resultado. “Estas eleições verificara pela primeira vez a existência do embrião da aliança entre PS e Bloco de Esquerda. A resposta dos eleitores foi clara. Não a desejam para o País.”

“Em quarto quero sublinhar o insucesso das campanhas negativas. A maioria dos portugueses reage de forma negativa a campanhas negativas”, afirmou referindo-se às acusações que foram feitas a Cavaco Silva sobre a sua ligação ao BPN e à SLN.

E por fim, “não pode ser ignorado que quase, ou mais, de 50% dos eleitores inscritos decidiram não votar” e ainda que “não tenha sido a primeira vez”, já que Jorge Sampaio foi reeleito com 50,3% e isso não lhe retirou a legitimidade, refere.

Ainda assim, Paulo Portas considera que os “políticos precisam de meditar” sobre a “resposta que a sociedade portuguesa está a dar.”

Ver comentários
Saber mais Presidenciais eleições Paulo Portas
Mais lidas
Outras Notícias