Rendas Câmara de Matosinhos já gastou mais de oito milhões a ajudar a pagar rendas

Câmara de Matosinhos já gastou mais de oito milhões a ajudar a pagar rendas

Desde que criou o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento, em 2009, a autarquia já desembolsou “mais de oito milhões de euros” na ajuda a 2.129 famílias no pagamento das suas rendas, com valores que variam entre os 75 e os 125 euros por mês.
Câmara de Matosinhos já gastou mais de oito milhões a ajudar a pagar rendas
Em Matosinhos, a autarquia apoia as famílias carenciadas com 75 a 125 euros mensais no pagamento da renda da casa.
Rui Neves 09 de agosto de 2019 às 11:40

Foi precisamente há uma década, em agosto de 2009, que a Câmara de Matosinhos criou o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento (PMAA), que permite apoiar os munícipes no pagamento das rendas das suas casas.

 

Apresentando-se como uma alternativa à habitação social, evitando o desalojamento face a ações de despejo, fruto das dificuldades económicas das famílias, o PMAA já apoiou um total de 2.129 famílias, tendo até agora desembolsado "mais de oito milhões de euros", avança o município, em comunicado.

 

Com o valor do apoio ao pagamento das rendas entre os 75 e os 125 euros por mês, beneficiam atualmente do PMAA um total de 703 famílias, informa a autarquia.

 

"Sem um limite temporal para os apoios que presta, o PMAA permite a liberdade de escolha da habitação, evitando, assim, a deslocalização das pessoas e permitindo que cada uma decida o local onde pretende viver", sublinha o município presidido por Luísa Salgueiro.

 

Entretanto, a Câmara de Matosinhos garante que, "ainda este ano", com a elaboração e apresentação da Estratégia Local de Habitação, "serão apresentados novos programas habitacionais, que visam estimular a criação de oferta habitacional no mercado de arrendamento privado e que vem complementar o PMAA".

 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI