Saúde Artur Osório: "Não quero ninguém que trabalhe no público"
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Artur Osório: "Não quero ninguém que trabalhe no público"

Muitas vozes a têm defendido, mas continua na gaveta: a separação entre público e privado. O representante dos privados da saúde junta-se agora ao grupo e diz que é preciso avançar com a exclusividade dos médicos.
Artur Osório: "Não quero ninguém que trabalhe no público"
Sofia A. Henriques
Marlene Carriço 21 de julho de 2014 às 00:01

Os privados têm crescido porque estão mais organizados e têm melhor imagem, mas ainda não estão "perfeitos", considera o presidente da Associação Portuguesa de Hospitalização Privada, Artur

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI